sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Perda de tempo

Como vocês já devem ter percebido, eu prefiro falar das coisas que eu gosto em vez de comentar as que eu não gosto. Mas de vez em quando a gente há de fazer diferente. Hoje estou escolhendo isso, até por me sentir na obrigação de alertar você, pessoa legal e feliz que me lê, sobre um filmezinho ruim, mas ruim, mas ruim demais. Ele se chama Um dia, apesar de parecer durar um ano.

E quando digo ruim demais, nem estou falando do filme em si, cujos atores, produção, cenários, diálogos etc, até que são bem escolhidos. O que eu achei péssimo foi a história do filme, sempre triste, sempre deprê, e quando finalmente você acha que o negócio está melhorando vem um caminhão e atropela a protagonista. Sério.



Pronto. Contei. Estraguei o final pra você? Não ache ruim. Na verdade eu te poupei de gastar duas horas da sua vida assistindo um troço cuja única coisa boa é ver que a Anne Hathaway fica bem melhor de cabelo curtinho. Mas nem isso dura muito no filme. E sim, o trailler dele engana bastante. Você entra achando que vai ver uma comédia romântica e termina assistindo um drama daqueles bem fundo do poço. Ah, nem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião ou simplesmente um "alô"!