segunda-feira, 29 de outubro de 2012

 Um ano e 4 meses de Estados Unidos e mais uma vez, enfrentando um furacão. Isso não seria estranho caso estivéssemos morando nas áreas daqui onde esse fenômeno é relativamente comum. Mas não estamos. Antes do Sandy desse ano, e do Irene do ano passado, não passavam furacões pelo meio e norte da costa leste desde 1935. Isso é que é tirar a sorte grande... ao inverso.

-------------------------------------------------------------

 E se o Sandy for poderoso demais, pode ser que falte água e luz. A falta de luz seria por conta do vento, que pode derrubar os postes. Já a falta de água seria caso chovesse demais e inundasse as áreas de distribuição. Ou seja, a falta de água é causada pelo excesso... de água! Isn´t it ironic?

--------------------------------------------------------------

Essa vai ser a Becky, qnd crescer! Rs

Então, até as condições climáticas melhorarem, estamos aqui em casa aconchegados e aquecidos, nós três - marido, eu, e nossa cachorrinha Becky. Ah, sim. Eu finalmente ganhei uma cachorrinha! Quis ter cachorro minha vida inteira, então só precisei esperar 29 anos e 9 meses. Mas quem espera, sempre alcança. E a Becky é tão fofa, que valeu a pena a espera!

-----------------------------------------------------------

Desde que trouxemos a Becky pra casa, estou nas nuvens de tão feliz. Ela é a coisinha mais fofa do mundo! Até fazendo travessuras é engraçada. Várias pessoas se manifestaram dizendo um "que legal" sobre o fato de a termos comprado, o que eu acho uma reação natural. Afinal, quando a gente vê uma pessoa bem feliz por conta de alguma coisa, ficamos felizes por ela. Já umas outras poucas, vieram desfiar o rosário dos infelizes, dizendo que isso foi uma loucura já que cachorro dá muito trabalho, e gasto, e que isso, e que aquilo, e blablabla. É o tipo de comentário que eu não entendo. Afinal, se a pessoa não gosta de cachorro, então não tenha ela um. Eu gosto, então eu tenho. É simples assim. Ou que eu me lembre eu nunca entrei na casa de uma pessoa e fiquei reclamando do tanto de cristais nas cristaleiras, porque aquilo deve dar muito trabalho pra limpar. Ou fiquei incomodada com uma loira que pinta o cabelo de ruivo, porque deve ser muito gasto ficar retocando a raiz. Eu ein. Cada um no seu quadrado.

-----------------------------------------------------

 Mas, esse é o tipo de coisa que me entra por um ouvido e sai pelo outro. Afinal, como já dizem, a vida é curta demais para se ficar de picuinhas. E está aí mais um pensamento estranho. "A vida é curta demais pra se guardar rancor." ou "A vida é muito curta pra não se fazer as pazes." etc, etc. Ué, quer dizer que se a vida fosse bem comprida, aí tudo bem? A pessoa diria, "Isso, vamos guardar bastante racor! Afinal, a vida é bem longa! Vamos poder carregar esses sentimentos ruins por muito e muito tempo!" Aí é que não faria o menor sentido mesmo.

-------------------------------------------------------------

Aqui falou Simone Póvoa, diretamente do olho do furacão. (Bom, em algumas horas.)

Mais um pouco do Manual...

 Eu gosto tanto daquele livro de que falei outro dia, o Pequeno Maual de Instruções para a Vida, de H. Jackson Brown Jr., que resolvi copiar mais algumas frases do livro e postar aqui:

48. Não perca tempo aprendendo os truques do negócio. Em vez disso, aprenda o negócio.

95. Tenha sempre algo belo ao alcance dos olhos, nem que seja apenas uma margarida num copo de geléia.

159. Almeje a excelência, não a perfeição.
209. Não permita que o telefone interrompa momentos importantes. Ele existe para a sua convenência, não para a de quem está ligando.

243. Nunca corte o que pode ser desatado.

326. Busque oportunidades, não segurança. Um barco pode estar seguro no porto, mas com o tempo ele vai apodrecendo.

341. Tenha um bom dicionário.

395. Se escolher ser esquisito, seja com confiança.

429. Cada pessoa que você encontra sabe algo que você não sabe. Aprenda com elas.

496. Sua cabeça só pode ter um pensamento por vez. Faça com que ele seja positivo e construtivo.

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Faça da felicidade um hábito.

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Como fazer um filet mignon macio e delicioso

 Sabe quando a gente vai a um bom restaurante, pede um prato com carne, e vem aquele filet alto, delicioso, macio, sem estar cru nem passado demais, temperadinho, enfim, perfeito? Pois bem! Eu aprendi como fazer! Com o marido carnívoro que tenho, sempre experimentei muitos modos de fazer carne. Este aqui foi um campeão absoluto. Foi o que jantamos ontem, com batatas cozidas & fritas na mesma frigideira em que se passa os filets pra dar aquele gostinho, e salada verde ao lado. Ah, e um molho de mostarda para passar os pedaços da carne, que também é facílimo. Bom apetite!
.
.
.
Filet alto

Tire a carne da geladeira uns 10min antes de começar, para que ela fique em temperatura ambiente. Seque a carne com papel-toalha. Passe na carne um pouco de pimenta vermelha e pimenta do reino. Adicione um pouco de alho em pó ou espremido. Espalhe em cada um dos lados de cada um dos bifes uma colher de sopa de óleo, apertando de leve na carne, para que o tempero entre. Deixe o tempero penetrar por uns 15min.

Nisso, ligue o forno e pré-aqueça a... Aqui a receita diz 350 Fahrenheit? O que deve ser uns 180 Celsius? Convertam aí! Risos.

Passe um pouquinho de óleo numa frigideira de fundo grosso e a esquente bastante! Quando estiver bem quente, coloque os filets e deixe 3min de cada lado. (Se não forem tããão grossos, uns 2min de cada lado.) Tenha o cuidado de virar a carne sem espetá-la, para que ela não seque por dentro.

Transfira a carne agora para o forno aquecido e deixe de 8 a 10min, dependendo se quiser no ponto ou um pouco mais bem passada...

Tire a carne do forno e salpique com um pouquinho de sal. Cubra com um papel alumínio e espere 10min antes de servir.

Nesses 10min, faça o seguinte molho - facílimo - para colocar ao lado:


Molho de mostarda

Numa panela coloque 1 colher (sopa) de manteiga e deixe derreter. Adicione 1/2 copo de vinho branco e deixe evaporar por 5min em fogo médio. Adicione agora 1 lata de creme de leite e 1 colher (sopa) cheia de mostarda (eu gosto da Dijon). Acerte o sal. Voilá!

Seu desejo é uma ordem

 E para quem acredita em visualizaçãoes, diários de gratidão ou quadros de criação de vida... Para quem assistiu e gostou de Quem somos nós ou O Segredo... Para quem adora um metodozinho alternativo, ou quer saber que está agindo em prol de seus sonhos (mesmo os aparentemente impossíveis) ou mesmo está em busca de mais esperança na vida, uma boa pedida é esse último livrinho que terminei, chamado Peça e será atendido (Sextante: 2004, 222pgs). Os autores são Esther e Jerry Hicks, mas eles garantem que apenas escreveram o que o espírito de luz Abraham os ditou. O livro é todo diferente, a começar pela primeira frase do primeiro capítulo após o prefácio e introdução, que lê:  "Nós nos chamamos Abraham e estamos falando com você a partir de uma dimensão Não-Física. Você também é proveniente da dimensão Não-Física, e por isso não somos tão diferentes um do outro." Intrigante, não? O que achei diferente nesse livro dentre outros do mesmo gênero foi o número de práticas e exercícios que são ensinados para que o leitor coloque em prática a famosa lei da atração. E são daquele tipo que não machucam ninguém, fácies de fazer e que pelo sim ou pelo não, por que não experimentar?
 Eu não sei direito sobre essa coisa toda de lei da atração, mas tenho uns casos no mínimo intrigantes de coisas que aconteceram comigo justo depois de eu ter feito, sem querer, as exatas coisas que os "manuais" ensinam. Então, pra quem anda com espírito aventureiro, vale uma tentativa... E claro, nunca esquecendo a máxima: cuidado com o que você deseja...!!!

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Tô amando!

Na primeira vez que vi a propaganda desse produto fiquei intrigada: primer para cabelos. Meu primeiro pensamento foi: quem precisa disso?! Afinal, nem fazia tanto tempo assim que eu havia descoberto as maravilhas do primer para o rosto... Mas a promessa do anúncio era boa demais e me convenceu a experimentar. Pois desde a primeira vez, amei! Realmente, o produto é leve e por isso pode ser usado com outros produtos que você já normalmente usa antes de secar o cabelo, seja protetores térmicos, seja um anti frizz... E sim, a escova (ou o cacheado) dura por vááários dias, mesmo tendo a pessoa malhado, suado e dançado na chuva! Recomendo demais!!

Já esses dois aqui foram eleitos como o shampoo e condicionador preferido das leitoras da Glamour, por serem super cheirosos e darem bastante brilho ao cabelo. Como aqui eles são baratinhos, fui correndo experimentar. O resultado foi que entrei para o time das que amam essa duplinha. E sim, além do cheirinho delicioso e do brilho, o cabelo ainda fica pesado mas soltinho - adorei!! 
O que os esmaltes da OPI tem de diferente dos outros? Era a pergunta que eu me fazia toda vez que entrava num salão desde que cheguei aqui, e reparava na fileira interminável de cores e mais cores de esmaltes quase sempre dessa marca. Um dia, lembrei de comprar um vidrinho para experimentar e gostei muito! Não sei dizer se dura assim tão mais que as outras marcas, mas que dura, dura. Na minha mão, uns 3 dias sem bicar, isso porque sou eu quem lava toda a louça da casa sem luvas. As cores também são lindas. A impressão que dá é que não existe, dessa marca, aquela cor "feia" ou pelo menos totalmente fora de moda. Por isso, usei, aprovei, e recomendo!  
E por fim, vos apresento esse que virou meu queridinho de antes de dormir. Para quem tem tendência a ter pele seca como eu, esse modo de ventilação sempre aritifical usado aqui nos states pode castigar bastante. Se não é o ar condicionado roubando a camada natural de umidade da pele, então é o aquecedor. Por isso, eu vinha reparando que meus pés andavam cada vez mais secos. Mas foi só começar a passar um pouquinho desse creme todo dia antes de dormir que eles voltaram a ficar super macios. Aliás, voltaram a ser não. Afinal, a moça aqui é de Brasília, terra onde metade do ano luta-se contra a secura. Eu diria então, com mais precisão, que meus pés passaram a ficar macios como nunca. Por conta disso, recomendo, claro!!!

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Às vezes ele me abraça quando já estou naquele estágio entre acordada e dormindo e o que eu sinto é uma onda de amor tão, mas tão grande, que é quase físico - ou talvez seja físico. É como se fosse uma vibração, um aconchego, um conforto, uma entrega, um derretimento e uma paz, tudo junto. É como se eu estivesse sendo envolvida por uma camada de uma coisa tão, mas tão boa que eu só posso chamar de uma parte de Deus. É difícil explicar. Talvez seja impossível. Mas se alguém já sentiu isso.... vai entender. 

Tem uma fala do personagem de Anthony Hopkins em Encontro Marcado logo no começo do filme que eu adoro, na qual ele diz para a filha dele algo como: "Eu quero que você ame. Que cante extasiada, que dance com a alma. Amor é paixão, obsessão. É encontrar alguém sem o qual você não possa viver. Então eu digo, se apaixone. Encontre alguém que você ame loucamente e que vá te amar do mesmo jeito. Como você encontra? Esqueça a cabeça e ouça o coração. Porque a verdade é que não há sentido em viver a vida sem isso. Fazer a jornada sem se apaixonar profundamente, ah, é como se você não tivesse nem vivido. Mas você tem que tentar. Porque se não tiver tentado, não terá vivido. Fique aberta. Quem sabe? O céu pode se abrir." 

 Ah, como concordo. O amor faz tudo valer a pena.

 Uma ótima sexta-feira!

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Tabacaria - Fernando Pessoa

Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada.
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.

 

Paradise

 Nos aparelhos da academia tem televisõezinhas onde você pode escolher o que assistir. Na seleção de clipes deles tem essa música. Eu não canso de ouvir. Fico lá viajando... Muito bom! E sim, sinto que tenho algo em comum com o elefantinho do clipe, ha ha.


terça-feira, 16 de outubro de 2012

Um pouco de Clarice

 Agora que já passou a raiva o estranhamento do famosíssimo A paixão segundo G.H, deixo aqui algumas frases que amei e sublinhei no meu livro. As escolhi por serem exatas, por serem certeiras, por serem verdadeiras, por serem inusitadas, por serem banais, e de tão banais chegarem a ser filosóficas... Enfim, por serem muitíssimo Clarice. Sim, posso não ter gostado do livro, mas da autora, amo!

"Não confio no que me aconteceu. Aconteceu-me alguma coisa que eu, pelo fato de não a saber como viver, vivi uma outra?"
"A covardia é o que de mais novo já me aconteceu, é a minha maior aventura, essa minha covardia é um campo tão amplo que só a grande coragem me leva a aceitá-la."

"Como se explica que o meu maior medo seja exatamente o de ir vivendo o que for sendo? Como é que se explica que eu não tolere ver, só porque a vida não é o que eu pensava e sim outra - como se antes eu tivesse sabido o que era! (...) No entanto, na infância as descobertas terão sido como num laboratório onde se acha o que se achar?"

"Eu vi. Sei que vi porque não dei ao que vi o meu sentido."

"Arrumar é achar a melhor forma."

"Pela primeira vez eu me espantava de sentir que havia fundado toda uma esperança em vir a ser aquilo que eu não era."

"Eu lutava porque não queria uma alegria desconhecida."

"A lei manda que só se fique com o que é disfarçadamente vivo. E a lei manda que, quem comer do imundo, que o coma sem saber. Pois quem comer do imundo sabendo que é imundo - também saberá que o imundo não é imundo. É isso?"

"De morrer sim, eu sabia, pois morrer era o futuro e é imaginável, e de imaginar eu sempre tivera tempo. Mas o instante, o instante este - a atualidade - isso não é imaginável, entre a atualidade e eu não há intervalo: é agora em mim."

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

 E lembre-se de que no momento em que você disser "eu desisto" outra pessoa estará olhando para a mesma situação e dizendo "Que grande oportunidade!"

 Portanto, seja você a pessoa que diz "que grande oportunidade".  A vida muda no instante em que a gente passa a enxergar as coisas assim.


quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Sobre ser cabeça-dura

Recebi por e-mail. Mesmo que não seja verdade, é uma boa história:

"O diálogo abaixo é verídico, e foi travado em outubro de 1995 entre um navio da Marinha Norte Americana e as autoridades costeiras do Canadá, próximo ao litoral de Newfoundland.
 Os americanos avistaram uma luz em rota de colisão com eles e começaram na maciota:
- Favor alterar seu curso 15 graus para norte para evitar colisão com nossa embarcação.
Os canadenses responderam de pronto:
- Recomendo mudar o SEU curso 15 graus para sul.
O americano ficou mordido:
- Aqui é o capitão de um navio da Marinha Americana. Repito, mude o "SEU" curso.
Mas o canadense insistiu:
- Não. Mude o "SEU" curso atual.
O negócio começou a ficar feio.
O capitão americano com raiva berrou ao microfone:
*- FIQUE SABENDO: ESTE É O PORTA-AVIÕES USS LINCOLN, O SEGUNDO MAIOR NAVIO DA FROTA AMERICANA NO ATLÂNTICO. ESTAMOS ACOMPANHADOS DE TRÊS DESTROYERS, TRÊS FRAGATAS , SUBMARINOS E NAVIOS DE APOIO. EU EXIJO QUE VOCÊS MUDEM SEU CURSO 15 GRAUS PARA NORTE, OU ENTÃO TOMAREMOS CONTRAMEDIDAS PARA GARANTIR A SEGURANÇA DO NAVIO".
*E o canadense calmamente respondeu:
- Aqui é um FAROL, ESTAMOS NUM ROCHEDO, desvie...câmbio!.


*Para refletir:**
"Às vezes a nossa arrogância nos faz cegos... Quantas vezes criticamos a ação dos outros? Quantas vezes exigimos mudanças de comportamento nas pessoas que vivem perto de nós quando, na verdade, nós é que deveríamos mudar o  nosso rumo...? *

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

"Releia seu livro favorito"

 Esse é um dos vários conselhos que H. Jackson Brown Jr. dá em seu maravilhoso Pequeno manual de instruções para a vida. O livro, todo em forma de pequenos conselhos e observações, é simplesmente uma delícia. A primeira vez que o li, eu era ainda adolescente. De lá pra cá, devo tê-lo relido umas 2 ou 3 vezes, até dá-lo de presente a um namorado (hoje, marido) que o perdeu(?) em uma de suas mil mudanças. Tentei comprá-lo novamente uns anos atrás mas na época não encontrei. Isso até outro dia, passeando numa Barnes & Noble, quando novamente me deparo com esse livrinho tão especial. Minha surpresa agora, relendo mais uma vez, é ver quantos dos conselhos eu realmente incorporei na minha vida e vim praticando por todos esses anos. Incrivel como uma leitura positiva pode mudar tanto a vida da gente - e pra melhor. Esse eu nem preciso falar, né? Recomendo. Mil vezes recomendo.

 Alguns dos conselhos que a menina de 12 ou 13 anos gostou e resolveu seguir:

 6. Tenha um aperto de mão firme.

42. Nunca adie uma alegria.

75. Nunca desista do que você realmente quer fazer. Aquele que tem grandes sonhos é mais poderoso que o que tem todos os fatos.

82. Esqueça a grama do vizinho.

135. Quando uma pessoa estiver contando algo importante que aconteceu com ela, não tente superá-la com uma de suas histórias. Deixe que ela também receba atenção.

162. Evite pessoas negativas.

216. Seja um bom perdedor.

217. Seja um bom vencedor.

228. Mantenha um diário.

292. Lembre-se de que um casamento de sucesso depende de duas coisas: (1) encontrar a pessoa certa e (2) ser a pessoa certa.

299. Não espere que a vida seja justa.

335. Releia seu livro favorito.

354. Nunca perca uma oportunidade de dizer a alguém que você o ama.

493. Depois de ter trabalhado duro para conseguir o que queria, dê-se a chance de relaxar e aproveitar.

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Marisa disse tudo:

Seja Feliz - Marisa Monte
Os andarilhos! = )
"Seja feliz
com seu país
Seja feliz
sem raiz

Seja feliz
com seu irmão
Seja feliz
sem razão

Tão longa a estrada
Tão longa a sina
Tão curta a vida

Tão largo o céu
Tão largo o mar
Tão curta a vida

Curta a vida
Curta a vida...

Seja legal
com seu amor
Seja legal
sem pudor

Seja gentil
com sua figura
Seja gentil
sem frescura

Tão longa a estrada
Tão longa a sina
Tão curta a vida

Curta a vida..."

Guerra dos sexos

 Entrando no clima da nova novela das 7, falemos um pouco de homens x mulheres.


 Tem uma coisa que eu acho curiosa. Os homens sempre dizem que mulheres adoram falar pelos cotovelos e jogar conversa fora. E que eles sim, falam sobre coisas importantes. Exemplo bem caricato: numa festa, se os tais grupinhos masculinos e femininos se formam, os homens provavelmente estarão falando do campeonato de futebol, jogos de Playstation ou de política, enquanto que as mulheres estariam falando de maquiagem, dieta, trocando receitas ou dando a dica de onde o quilo do filé mignon está mais barato. (pintando a cena com cores beeem fortes...) Pois então, caros homens. Vocês dizem que o que vocês falam é de uma importância muito maior mas, sinceramente, o que vai afetar a sua vida mais diretamente no futuro mais imediato? Saber que o Palmeiras está numa ótima fase ou saber onde a carne está na promoção? Ou aprender uma receita ótima que pode ser feita no próximo dia, pro almoço? Exatamente. Vendo por esse ponto de vista, papo de homem é que é meio inútil.

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

 A língua portuguesa é mesmo linda. Vejam bem:

 Preocupar-se é algo que você tende a fazer mais justamente quando está à toa, ou seja, sem ocupação. O que você faz antes de estar ocupado? Você tem pré-ocupações.

 Fantástico, não?

 Por isso vamos lá, meninos e meninas. Caso estejam com tempo livre demais, sigam o exemplo desta que vos fala e ocupai vosso tempo com coisas positivas e produtivas. E força na peruca!

terça-feira, 2 de outubro de 2012

 Amo essa música!