sábado, 15 de fevereiro de 2014

Rapidinhas

 .
E pros lados de cá, o inverno continua rigoroso. Nesse exato momeno enquanto escrevo, aqui do lado de fora tem neve acumulada batendo no meio da perna, e bem uns 3 ou 4 carros de gente que não tem saído que acabaram completamente enterrados. E já começou a nevar de novo. Ai, ai, ai.
.
 Mas tudo bem porque na 6a que vem parece que vai chegar a 10 graus positivos, o que parece pouco para países tropicais mas believe me, é uma delícia em pleno fevereiro.
.
 Então é isso. Aguentemos firme mais essa semana com toda essa neve se acumulando. E que venham os 10 graus pra derreter tudo isso! E aí, tenham todos uma ótima inundação.
 
------------------------------------------------------------------------------------
 
 Minha professora do pilates estava contando hoje de manhã como o carro dela ficou sem gasolina a poucos metros de um posto. O único problema era que o carro estava lá embaixo e o posto era ladeira acima. E como era self service e ela não tinha nada em que transportar um pouco de gasolina até o carro, o jeito foi fazer os dois filhos dela empurrarem o carro ladeira acima, enquanto ela controlava o voltante e ia gritando palavras de incentivo aos meninos. Fiquei imaginando que palavras não devem ter sido essas:
- Come on, boys. Suck in this belly button! Engage your core. Just a little bit more. This is not suppose to feel good!!!
 
-------------------------------------------------------------------------------------
 
Como perder completamente o contato com alguém hoje em dia:
1. Saia do Facebook;
2. Apague seu WhatsApp;
3. E só.
 
---------------------------------------------------------------------------------------
 
E por que essa mania dos novatos do Facebook de se referirem a ele como o "Face"? A minha conta é de 2007. Pra mim o nome é f a c e b o o k, com todos os fonemas, as Zuckerberg intended.

------------------------------------------------------------------------------------
.
 E sabe aquelas conversinhas socialmente aceitas que se tem com conhecidos no elevador do prédio onde você mora? Por exemplo: "E aí dona fulana, como é que vai?" "Na corrida, como sempre!", e as duas dão um sorrisinho. No Brasil é sempre bom que você esteja na corrida. Nem que seja na de 100 metros rasos. As pessoas aceitam e admiram muito essa história da corrida.

 Aqui nos EUA uma resposta muito boa para esse caso é dizer que "está estocando". O que ou para que não interessa. Você está tirando as compras do porta-malas no que vem passando um vizinho que te cumprimenta: "E aí, como é que vai?" e aí você deve responder: "Ah, tô aqui estocando para o..." E aí completa com: furacão/ nevasca / superbowl/ dia da bandeira/ provável invasão alienígena, o que for. A pessoa vai abrir um grande sorriso e sair satisfeito. E provavelmente, cuidar de fazer o estoque, ela também.
.
---------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião ou simplesmente um "alô"!