segunda-feira, 18 de maio de 2015

A paciência é uma virtude.

 Sim. Eu sempre soube disso. Mas só outro dia me toquei que essa virtude é em benefício daquele que desenvolveu a paciência - não do resto do mundo.

Meio óbvio, né? Mas veja bem, foi também só outro dia que eu fui entender que o "pinga em mim" da música estava falando da bebida. Até então eu simplesmente imaginava as goteiras pingando no cara. Ha ha ha.